Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Towards Home

A casa-família que se vai construindo.

Towards Home

A casa-família que se vai construindo.

14 anos

12
Jan09

Na sexta-feira, dia 9, fez 14 anos que eu comecei a namorar com o meu marido. É mesmo, 14 anos ... Até a mim me custa acreditar que já passou tanto tempo.

Éramos uns teenagers inconscientes,  ainda estudantes do ensino secundário. Fizemos tanta asneira juntos!

Mas essas asneiras e muitas outras coisas (mais ou menos correctas) por que passámos em conjunto ajudaram-nos a crescer, a construir um amor e uma relação cada vez mais fortes. Hoje, somos capazes de ultrapassar muitos obstáculos e de caminhar lado a lado, recebendo tudo de bom que a vida tem para nos dar.

Valeu e continua a valer a pena. Que venham mais 14 e mais 14 e mais 14.

 

Como eu não sei escrever estas coisas e os poetas servem mesmo para pôr em palavras bonitas o que nós tantas vezes sentimos, mas não sabemos dizer, deixo-vos aqui o poema, de António Osório, que dei a ler ao meu marido, não no dia 9, mas no dia de Natal:

 

Amando

 

 

Amando
fazemos juntos
o presépio,
com musgo, pinhas,
ervilhaca.

E ovelhas
procurando
pelos lábios
o campo
um do outro.

E pão, mel,
courelas
que renascem
da geada,
semoventes.

E o mesmo
hálito, calor
de dois animais,
nosso fazemos
aquele Filho.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.